• RIO GRANDE DO SUL
    (51) 3785-4944
  • SANTA CATARINA
    (48) 4042-2779
  • PARANÁ
    (41) 4042-3009
  • SÃO PAULO
    (11) 3042-3949
  • (51) 98189-0833
BLOG

ENTREGA E ASSISTÊNCIA TÉCNICA EM TODO BRASIL.
CONDIÇÕES ESPECIAIS NO TELE-VENDAS

Afinal, o que é estoque de proteção? Nós explicamos!

25 de junho de 2018
Baterias tracionárias

Boa parte das empresas mantém estoques. Independentemente do segmento em que atuam, elas precisam dele para garantir o atendimento de excelência aos clientes — aliás, ele pode ser definitivo nos processos dessas organizações.

Níveis adequados de estoque, portanto, garantem que a companhia tenha os insumos necessários para manter a operação. Mesmo assim, pode haver imprevistos, por isso existe o estoque de proteção. É com ele que a empresa enfrenta situações extremas que afetam a demanda e o fornecimento dos produtos, por exemplo.

Grosso modo, a ideia é que a organização esteja sempre preparada para atender os clientes adequadamente. Então, quer saber mais sobre o estoque de proteção e a sua importância? Continue a leitura do post!

O que é o estoque de proteção

Todo planejamento de estoque deve contemplar uma margem de tolerância. Isso é especialmente importante quando são previstos riscos ao abastecimento que possam prejudicar a produção ou a venda dos produtos. Sejam greves, mudanças na legislação, negociação de preços e outros.

O estoque de proteção é, assim, um mecanismo de defesa: ele ajuda a empresa a se prevenir contra a falta dos itens que vende. Com ele, a empresa compra volumes antecipados ou reforçados para se garantir contra situações que podem afetar a demanda, a oferta e os preços.

Apesar de aumentar os custos de armazenamento, a prática assegura que os preços sejam mantidos por um período mais longo. Isso diminui a possibilidade de se ter de comprar os itens por preço maior. Nesse sentido, inclusive, itens com maior demanda devem ter um estoque mais robusto para que a empresa não corra riscos.

Para a definição do estoque de proteção, podem ser feitas estimativas com base no que foi vendido em períodos anteriores semelhantes. Além disso, podem ser avaliados indícios de que os preços vão subir, como indicadores econômicos e cenário político.

A importância do estoque de proteção

O estoque de proteção melhora a gestão e reduz os gargalos. Desse modo, há menos gastos e é possível destinar recursos para áreas estratégicas da companhia. Além disso, ainda há outras vantagens:

Melhor gestão de estoque

Com o estoque de proteção, a organização tem mais subsídios para administrar o departamento com mais eficiência. E isso afeta diretamente o fluxo dos processos, já que eles não precisam ser paralisados quando o estoque acabar.

Melhor atendimento ao cliente

Quando a companhia tem produtos disponíveis para venda, fica mais fácil cumprir os prazos de entrega estabelecidos. Afinal, com o estoque de proteção evita-se gastos extras para garantir a entrega (como a necessidade de trabalhadores temporários). Assim, a satisfação dos clientes é garantida.

Planejamento estratégico mais preciso

Quando se sabe o que é necessário em termos de proteção de estoque, para manter a empresa funcionando, é mais fácil fazer o planejamento estratégico. Afinal, ele previne situações extremas e permite que o planos sejam melhor delineados.

Menos problemas com a demanda

Muitos itens sofrem flutuações em termos de oferta e demanda, fazendo com que algum, muito procurado, possa ficar indisponível. Se ele for um insumo, isso afeta até a produção da empresa: quando esgota, isso causa frustração na clientela.

Com o estoque de proteção, no entanto, impede-se essas situações.

Menos prejuízos à produção

Com um sistema adequado, sofre-se menos, por exemplo, com acidentes naturais, como chuvas, alagamentos, deslizamentos de terra e similares. Nesse caso, não há prejuízos à produção porque os materiais já estão na empresa.

Embora seja necessário um investimento (já que itens armazenados no estoque de proteção representam capital parado), em caso de imprevistos a empresa não perde clientes. E, com a oferta de produtos mantida, o atendimento é feito normalmente.

Enfim, essas são as principais vantagens de se ter um estoque de proteção! Como vimos, ele é importante não só para garantir a sua gestão de estoque, mas também influencia no atendimento ao cliente e da redução de prejuízos.

E você, tem mantido o estoque da sua empresa de forma adequada? Se gostou deste post, venha saber também como fazer uma gestão de estoque mais eficiente!

Compartilhe:

Nossos
CLIENTES

Entre em contato, tire suas dúvidas!