• RIO GRANDE DO SUL
    (51) 3785-4944
  • SANTA CATARINA
    (48) 4042-2779
  • PARANÁ
    (41) 4042-3009
  • SÃO PAULO
    (11) 3042-3949
  • (51) 98189-0833
BLOG

ENTREGA E ASSISTÊNCIA TÉCNICA EM TODO BRASIL.
CONDIÇÕES ESPECIAIS NO TELE-VENDAS

Curva abc: você sabe como usar essa ferramenta?

1 de março de 2018
Gestão em logística, Logística

Uma boa logística depende de várias etapas funcionarem adequadamente, entre as mais essenciais é a etapa da gestão de estoque. Você utiliza alguma ferramenta ou método que auxilie neste estágio? Conheça aqui a curva ABC e suas funcionalidades. Um método simples e que pode organizar definitivamente seu estoque.

Você sabe quais itens dão mais lucro ao seu negócio? Quais são seus campeões de venda e quais são seus produtos secundários? A curva ABC ajudará a classificar isso e muito mais, confira.

O que é a curva ABC?

A ferramenta é utilizada para categorizar os produtos de maior relevância dentro do estoque. De acordo com Pareto apenas 20% dos itens correspondem a 80% do faturamento, portanto, é muito importante saber quais são estas mercadorias.

É certo que os percentuais podem variar para cada caso específico, mas a separação aqui adotada servirá como orientação para classificar os itens. As classes A, B e C ficam assim divididas:

  • classe A: composta pelos produtos de maior importância, em média correspondem a 20% do estoque e resultam em pelo menos 65% da demanda no período considerado;
  • classe B: parcela do mix de artigos que comumente representa 30% do depósito e equivalem a cerca de 25% da solicitação de vendas;
  • classe C: parte restante dos insumos, de menor relevância dentro do mix, usualmente representam até 50% do volume de estoque, mas com baixa demanda, representando próximo de 10% do resultado apenas.

Como utilizar a ferramenta?

De maneira simplificada e objetiva vamos enumerar um passo a passo que simplificará o uso da curva ABC:

  1. liste seus produtos;
  2. anote o valor unitário;
  3. indique o volume de vendas no período considerado;
  4. registre o valor total referente a cada item;
  5. calcule a porcentagem que cada produto representa;
  6. planilhe os dados obtidos;
  7. classifique cada produto de acordo com os percentuais de orientação para as classes A, B ou C.

Depois da classificação, um estágio igualmente importante é a avaliação dos resultados obtidos, conforme o apresentado na sequência.

Pondere sobre os resultados obtidos

Por meio do levantamento de dados e percentuais é possível avaliar vários aspectos do estoque, bem como, adotar medidas de correção para possíveis desacordos.

Utilize essa ferramenta para aprimorar seu mix de produtos. Não mantenha um estoque repleto de itens que demoram a ser vendidos. Também é necessário que você não deixe faltar o seu campeão de vendas.

Quais as vantagens de adotar a curva ABC?

Com os dados obtidos é possível gerenciar de forma estratégica o estoque, o que trará inúmeras vantagens, dentre as expostas.

O ganho de maior representatividade proporcionada pela ferramenta é trabalhar com um estoque mais coerente com a demanda, pois, se investirá mais nos itens de maior retorno e menos nos secundários.

Outro resultado são aquisições mais assertivas, o que reduz os riscos de eventuais perdas. E também como resultado um capital de giro bem empregado. Uma dica importante é manter os dados atualizados sempre, pois, a mercadoria que mais vende pode variar de acordo com o período considerado.

Agora que você já conheceu um pouco mais sobre a curva ABC e sua relevância, aprenda também sobre gestão de estoque!

Compartilhe:

Nossos
CLIENTES

Entre em contato, tire suas dúvidas!