• RIO GRANDE DO SUL
    (51) 3785-4944
  • SANTA CATARINA
    (48) 4042-2779
  • PARANÁ
    (41) 4042-3009
  • SÃO PAULO
    (11) 3042-3949
  • (51) 98189-0833
BLOG

ENTREGA E ASSISTÊNCIA TÉCNICA EM TODO BRASIL.
CONDIÇÕES ESPECIAIS NO TELE-VENDAS

As boas práticas de movimentação de materiais e sua importância

8 de julho de 2019
Gestão de Frotas

Empresas de todos os setores de produção objetivam aumentar a produtividade e reduzir os custos para se adaptar ao novo cenário mundial de contenção de gastos. No campo da logística, uma das maneiras mais inteligentes de se conseguir isso é otimizando a movimentação de materiais.

Assim, é de grande importância estabelecer novos mecanismos que facilitem essa melhora, como o uso de software sofisticado para o gerenciamento de armazéns, a integração de equipes para gerenciamento de frota ou otimização de rotas e veículos automatizados, como as empilhadeiras.

Então, neste artigo apresentaremos dicas de como melhorar a movimentação de materiais na sua empresa e, consequentemente, aumentar os seus rendimentos. Junte-se a nós para saber mais. Acompanhe e boa leitura.

Definir objetivos quantificáveis ​​e mensuráveis

Os objetivos são os resultados finais que qualquer esforço de otimização visa alcançar. Eles precisam ser claros e precisos. É importante que quaisquer metas efetivas sejam facilmente quantificáveis ​​e, portanto, orientadas para a direção correta. Não se engane, qualquer atividade, incluindo a movimentação de materiais, precisa ser mensurada para ser melhorada.

Considerar a variabilidade

É certo que haverá variabilidade em qualquer processo. Isso significa que alguns imprevistos podem acontecer na rotina de trabalho de um centro logístico. Por isso, estar preparado para essas divergências é essencial para manter um alto padrão de serviço. Uma suposição de que não existe variabilidade pode levar a decisões incorretas e gerenciamento deficiente.

Garantir que os dados sejam precisos, oportunos e abrangentes

Os dados certos são essenciais para qualquer decisão ou processo de otimização. Qualquer solução baseada em dados incorretos resultará em mais danos do que benefícios. Em relação à movimentação de materiais, é necessário que haja dados detalhados e abrangentes sobre todas as diferentes partes da atividade, para garantir que nenhum elemento importante seja deixado de fora.

Certificar a execução eficiente dos planos de otimização

A otimização é tão bem-sucedida quanto as pessoas encarregadas de executar o plano. As equipes de campo, bem como as partes interessadas relevantes, precisam seguir instruções simples e executá-las conforme as instruções. Essas ações se transformam em itens mensuráveis ​​que podem ser usados ​​para avaliar o resultado da estratégia final.

Aperfeiçoar e treinar o pessoal

Qualquer aspecto técnico ou prático de um sistema ou processo que envolve a logística só pode ser bem-sucedido se as pessoas que o executam tiverem todo o conhecimento e as habilidades necessárias para fazê-los.

Assegurar que o modelo de negócio suporta a otimização

A melhoria de uma atividade primordial precisa ser um esforço de suporte contínuo. É necessário analisar se o sistema em vigor suportará as mudanças essenciais para otimização. Isso permitirá que a empresa mantenha um processo simplificado, beneficie-se de quaisquer oportunidades em potencial e evite possíveis desastres.

Apresentar provas de retorno sobre investimentos

A administração sempre aguardará um retorno substancial de seu investimento na otimização de um processo de movimentação de materiais. Isso precisa compensar o custo da tecnologia, pessoas e operações de maneira significativa.

Então, primeiro é preciso ter uma representação verdadeira do custo total das atividades aplicadas na estratégia, bem como uma comparação de referência às melhores práticas. O segundo passo é identificar métricas antes da implementação de um programa de otimização e compará-las com números pós-melhoria do processo.

Em suma, a movimentação de materiais é uma atividade essencial dentro do processo logístico. E, como vimos, é possível impulsionar seu rendimento e prática com algumas mudanças substanciais.  Analise as informações e veja qual se adéqua melhor à realidade do seu negócio.

Continue se aprofundando no assunto e confira o nosso artigo sobre os 4 principais equipamentos para movimentação de cargas.

Compartilhe:

Nossos
CLIENTES

Nossas unidades

Temos unidades em 4 Estados

RIO GRANDE DO SUL

Berto Círio, 158,
São Luis - Canoas/RS

(51) 3785-4944

SANTA CATARINA

Rodovia José Carlos Daux,
4150 Florianópolis/SC

(48) 4042-2779

PARANÁ

Av. Cândido de Abreu, 776
Curitiba/PR

(41) 4042-3009

SÃO PAULO

Rua Sgt Alcides Oliveira, 549
São Paulo/SP

(11) 3230-6774